Policiais do Exército: Quem São Vocês?

Somos oriundos dos MP’s da Força Expedicionária Brasileira, nascidos para atuar no Teatro de Operações da Itália, com missões específicas para escoltar, proteger e realizar o policiamento em áreas de conflito, das muitas missões que os nossos pioneiros Policiais do Exército exerceram, estavam os severos bombardeios da artilharia inimiga durante os deslocamentos de comboios, enquanto o antigo PE realizava o balizamento.

Somos oriundos desses valorosos febianos que iniciaram a tradição do Braçal PE, mesmo inscrito MP, já denotavam que se tratava de uma tropa cujo os valores e a postura não deveria ser melhor, nem pior do que ninguém, deveria ser diferente.

A guerra acabou na Itália, mas a experiência brasileira com esta tropa especial foi sentida. Fato percebido por um dos grandes generais desse nosso Exército, Comandante da Infantaria Divisionária, General Zenóbio da Costa, o mesmo que tomou Monte Castelo, Colleccio, Fornovo e Montese. Percebeu a necessidade de se formar uma Tropa de Elite de Polícia do Exército em tempos de paz. Em 1946, nasce a 1ª Companhia de Polícia do Exército – Rio de Janeiro. Logo novos pelotões, companhias e Batalhões surgiram, haja vista a utilização destas tropas em operações da garantia da Lei e da Ordem. Além do Rio de Janeiro, em 1949 São Paulo, 1950 Pernambuco e Rio Grande do Sul e Brasília em 1960, estavam lançados à formação dos cinco Batalhões de Polícia do Exército do Brasil, encerrando este ciclo com a criação 8º BPE em Paraíso, São Paulo.

No decorrer destas décadas os integrantes destas Unidades de Polícia do Exército foram sendo recrutados de Estados como Santa Catarina e Paraná, dando origem a uma tradição “os lendários catarinas”, por seu porte físico e extrema disciplina. Esses efetivos percussores dos nossos Batalhões, continuaram a tradição de disciplina, postura, respeito, honra, dignidade e principalmente amor pelo Braçal PE e tudo que ele representa para o Brasil.

A Polícia do Exército se mantém firme nas suas convicções e na sua importância para manter os Poderes Constituídos da Nação brasileira sob qualquer circunstância.

Seus Veteranos, brasileiros que adquiriram e foram forjados nos valores da Polícia do Exército durante anos, estão, agora, se reunindo em um grande movimento nacional, associações de Brasília, São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina estão se alinhando para traçar objetivos nacionais. O Brasil precisa disto, de pessoas valorosas para disseminar ações de resgate do amor pelo nosso país; ações práticas que visem engrandecer o Brasil.

Isso nos anima, pois é uma contraposição de uma sociedade que se organiza para mostrar aos parasitas que ainda há cidadãos brasileiros, munidos de valores pátrios e prontos para lutarem pela bandeira verde-amarela.

ENCONTRO NACIONAL DOS VETERANOS DA POLÍCIA DO EXÉRCITO

ENVEPEx

RECIFE/2013

ONDE?

4º BATALHÃO DE POLÍCIA DO EXÉRCITO

(PERNAMBUCO)

QUANDO?

20 a 22 de Setembro de 2013

INSCRIÇÕES A PARTIR DE 30 DE ABRIL DE 2013.

VETERANO PE – AGUARDE!

UMA VEZ PE, SEMPRE PE!!

Créditos: Chico Miranda


COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

46 comentários

  1. Zenóbio foi diretamente responsável pelo treinamento incompleto da DIE. Não conheço um único livro escrito por veterano da FEB que considere Zenóbio como um grande general.

    Reputar Zenóbio como responsável pela tomada de Monte Castello, Montese, Collechio e Fornovo é incorreto, pois o planejamento operacional não foi feito pelo comando da Infantaria Divisionária, e sim pela Terceira Seção do Estado-Maior da DIE.
    Isto pode ser confirmado de sobejo na literatura sobre a FEB.

  2. OSCAR DE OLIVEIRA RAMOS NETO /

    Ao Senhor CESAR!

    Sua falta de informação sobre o modo de agir e operar de um Exército seja em campanha ou em tempo de paz, o levou a postar este comentário desprovido de fundamento.
    Ao Chefe militar cabe a DECISÃO, logicamente fundamentada no estudo dos seus oficiais de Estado-Maior, como o Chefe da 3ª Seção (Operações) o Chefe da 2ª (Informações), o Chefe da 1ª (Pessoal) e o chefe da 4ª (Logistica).
    Procure ler mais e estude as formas de emprego de uma tropa em ações de combate!
    Felicidades!

  3. Prezado Oscar, considerando que não foi Zenóbio, mas Mascarenhas quem tomou as decisões na FEB depois de dezembro de 44, e considerando também que o Estado-Maior dvisionário na Itália funcionou de forma disfuncional,com o TC Castello Branco eclipsando a figura de Zenóbio na Infantaria Divisionária, respeitosamente recomendo a leitura do livro de 1968 do Cel. Brayner, que foi pessoa da mais absoluta confiança de Zenóbio e que neste sentido não pode ser considerado como fonte suspeita sobre o pífio papel exercido por Zenóbio na Itália.

    Nem sempre uma divisão em combate funciona de acordo com o manual. Aliás, o inventor dos Estado-Maiores modernos, Helmut von Moltke, é famoso por ter escrito que na guerra, os planos e manuais são os primeiros a irem para o beleléu.

    A presença de Zenóbio na DIE era em si uma excentricidade, pois de fato ele não tinha real função no comando divisionário (além de ter cumprido mal suas funções como responsável pelo treinamento no Brasil). A DIE foi organizada na doutrina americana de julho de 1943, que não continha espaço para mais um general de brigada em seu comando. Difícil entender por que Zenóbio até mesmo seguiu para a Itália.

    Abs.

    Cesar.

  4. O Dr Cesar está certo, Zenóbio estava mais preocupado em “conseguir” medalhas para usar do que em comandar a ID. Diversos relatos pessoais de veteranos corroboram com esta assertiva, inclusive com termos xulos, ao referirem-se ao nome do general.

    Abc

  5. Márcio Martins /

    Sinceramente…

    Dediquei 6 anos de minha vida ao 1 Btl de Polícia do Exército no Rio de Janeiro, e hoje depois de anos, quando passo pela Vila Militar vejo a sede de Veteranos da Brigada de Infantaria Paraquedista, apoiada pelo Comando da Brigada Paraquedista. E os PE’s, pelo menos aqui no Rio de Janeiro são esquecidos pelo Exército, pelas Seçoes de Mobilização e pelo próprio Batalhão.
    Aqui existe uma confraria de Amigos da Policia do Exército, mas quem são os agraciados e associados? Muitos não sabem nem mesmo o que que significa a inscrição moldada no piso de pedra do Batalhão.”VIGILANDUM EST SEMPER”
    O que acontece por aqui é uma reunião, anual, reunião dos “EXCLUIDOS” militares dos anos de 91/92/93/94/95, que juntos ainda cultuam a AMIZADE, O COMPANHEIRISMO, A LEALDADE E O CIVISMO.

  6. Walter Antonio BRAGATO /

    Servi no Rio de Janeiro no 1 BPEx. no “PIC” de 1967 a 1969, e tenho o maior orgulho de ter participado deste Batalhão. ABRAÇO BRAGATO

  7. GOSTARIA DE PARTICIPAR DESTE ENCONTRO NACIONAL, MAS ESTÁ MUITO EM CIMA DA HORA, NO PRÓXIMO ESTAREI PRESENTE COM CERTEZA. Obs.: favor me avisar a tempo.

  8. acho que os soldados que estao na vila militar sao despreparados para qualquer tipo de abordagem o exercito deve estar muito nessecitado para solicitar pessoas de tao pouca visao
    by:igor vinicius

  9. “Uma vez PE, sempre PE!”

  10. Servi no primeiro batalhão da Polícia do Exército, 60/61, sinto um grande orgulho por isso, sempre nos reunimos em várias cidades de Santa Catarina e Paraná.
    Uma vez PE sempre PE.

  11. david cruz /

    como faço para ter uma camisa de veteranos do exercito fui do exercito do batalhao de guardas de sao paulo cambuci no ano de 1979

  12. eloi verissimo campos /

    eu servi no 1o BPE em 66/67 auge da ditadura militar onde a PE era muito solicitada para impor a ordem no país….tenho orgulho em ter feito parte desta grande OM, quanto aos comentários sobre o Marechal Zenóbio da Costa vamos deixar pra lá…o que devemos considerar é que foi êle e o Gal Ventura que tiveram a idéia de criar a MP brasileira e que deu a origem da POLICIA DO EXÉRCITO no BRASIL…eu fiz parte dos “LENDÁRIOS CATARINAS DA PE”.

  13. eloi verissimo campos /

    HOJE SOU PRESIDENTE DA A.V.E.A.P.E ASSOCIAÇÃO DOS VETERANOS E AMIGOS DA POLICIA DO EXÉRCITO PR/SC E APROVEITO A OPURTUNIDADE EM CONVIDÁ-LOS A PARTICIPAREM DO ENCONTRO NACIONAL DOS VETERANOS DA PE O QUAL SERÁ REALIZADO NO DIA 26/07/2014 NAS DEPENDÊNCIAS DO 13 BIB NA CIDADE DE PONTA GROSSA -PR.
    OS CONTATOS CONOSCO PODERÃO SER FEITOS ATRAVÉZ DO EMAIL campos.232.pe@hotmail.com OU PELO FONE XX 43 96 22 51 11, SERÁ UM PRAZER ENORME RECEBE-LOS E REVIVER-MOS O NOSSO TEMPO DA CASERNA PE.

  14. Mário Mercês /

    Servi na Companhia de Polícia do Exército da 6ªRM Salvador Bahia, hoje Batalhão de Polícia do Exército 6ªRM, servi no ano de 1998 a 2005. E sinto-me honrado de ter tido a honra de servir e ostentar meu Braçal PE.
    Pois ser PE é ser imortal, somos diferentes irmãos em tudo que fazemos.
    Para uma pessoa normal jamais passará pela sua insana consciência do que realmente é ser PE.
    Aqui em Salvador nos reunimos mensalmente para rever os irmãos que espalhados por esse Brasil.
    Brasil PE acima de tudo, abeixo de Deus
    Uma vez PE sempre PE

  15. Franklin Plazzio /

    No ano de 1,966 ( Entre Janeiro e Dezembro ) o Exército Brasileiro me concedeu a grande honra de perfilar nas fileiras da gloriosa “2ª Cia. de Policia do Exército” em Sao Paulo (Rua Abilio Soares, 1113 – Paraiso). Soldado PLAZZIO Nº 91.
    Hoje resido em SPaulo no bairro da Saude, e quando sempre passo pela Abilio Soares a emoção aflorece e sinto saudades daquele quartel onde passei dias/noites memoráveis. (Atualmente o local está poluido com enormes predios residenciais).Meu pelotão era o Policiamento, e recordo do Tenente Aranha (Comandante da Cia.), sargento Novaes (bom de ed fisica, sargento Novello e o Ten Jairo Ginghetti (Motociclista das Harleys.
    PE sempre PE.

  16. Aguinaldo /

    Tive a honra de servir à gloriosa PE no ano de 66 a 67 em Brasília (BPEB) 1ª Cia. quando fervia a situação política brasileira em praticamente início do governo militar e posso dizer que nunca presenciei qualquer ato que denegrisse a imagem do Exército no tocante à truculência, desrespeito aos direitos humanos e etc. portanto me orgulho de lá ter passado um tempo de vida que não me esqueço jamais;

  17. Deusdedit Leal da Silva /

    O lá meu fraternos irmãos de caserna fique maravilhado em ve-los na mais perfeita harmonia, num encontro que deve ter sido memorável. Sou de Presidente Epitácio-SP.Sou veterano da PE , ou seja do BPEB da turma de 1966, 1 Cia de Policia de choque, fiquei para núcleo base, e tenho o maior orgulho da minha vida de ter servido na quela unidade do Exercito Brasileiro. PE sempre PE. Eu gostaria de saber da minha Turma de 66 , porque pelo jeito você são da unidade Pernambuco? Mas mesmo assim gostaria de receber noticias e me coloco a disposição de vocês meus fraternos irmãos. Sou Oficial de Justiça Aposentado pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, e sou patriota DISPOSIÇÃO DA NAÇÃO. U.’.F.’.A.’. O PÁTRIA BRASIL MÃE QUERIDA GIGANTE SOBERBO DE PÉ COM AMOR LHE ENTREGAMOS A VI DA E O VALO DE SOLDADO PÉ.E ASSIM ERAMOS NÓS NA CASERNA!!!!

  18. Sérgio Teodoro /

    Servi 9 anos no Batalhão de Policia do Exército de Brasilia, foi uma grande honra…sem palavras…só que serviu entenderá….

  19. Franklin Plazzio /

    Caro Deusdedit,

    Tambem servi na 2ª Cia. PE na Abilio Soares, 1113 (Paraizo – SPaulo), no ano de 1966. Soldado Plazzio n° 91 do Pelotao de Policia, do Sargento Novello, Vendramini e cabo Braz.
    Saudaçoes….

  20. Pedro Paulo Ribeiro /

    Olá!!!! Meu filho está servindo no 1BPE(RJ)(2015 a 2016) Soldado Micael – 3 Companhia. Tenho muuuito orgulho dele fazendo parte desta gloriosa Unidade do Exército Brasileiro. Brasil !!!!

  21. gilberto nabor de andrade /

    Servi no Primeiro Batalhão de Policia do Exército, Rio de janeiro, 1967/1969, tenho muito orgulho disso, moro no Rio de janeiro, Tijuca, passo quase todos os dias em frente ao batalhão, e todas me lembro dos dias que passei dentro daquela unidade militar, como dizem, UMA VEZ PE SEMPRE PE,tempos difíceis, mas cumpri minha missão com minha pátria com muito valor, talvez por isso nunca vou me esquecer dos dias qua ali passei.

  22. ORESTI ROVERI /

    TENHO O MAIOR ORGULHO POR HAVER CUMPRIDO O MEU SERVIÇO MILITAR NA HONROSA TROPA DO 1o. BPE/RJ (BATALÃO GENERAL ZENÓBIO DA COSTA), INTEGRANTE DA 1a. CIA, COMANDADA PELO CAP. JOSÉ MAURO DA COSTA ORTIGA, NOS ANOS 1964/65. HOJE GOSTARIA MUITO DE CONTATAR-ME COM OS COMPANHEIROS DAQUELA ÉPOCA, ATRAVÉS DO FACEBOOK E/OU DO MEU E-MAIL oresti.web@gmail.com

  23. Marcos Venicius /

    Com muito orgulho, servi no 1° BPEx de 94 a 96 e de fato falta apoio do próprio comando para estimular o encontro dos veteranos.

    Ainda assim mantemos contato via Facebook, mas sinto falta de algo mais motivador com a presença de todos no batalhão.

  24. Tadeu Chociai /

    Filho do Tenente Augusto Chociai que participou ativamente no quadro de operações de guerra na Itália como operador do Código de Guerra (Código Morse) .Tambem participei ano 70/71 B.P.E.B.com muito orgulho.Atualmente bastante constrangido com a situação em que se encontra o nosso querido Brasil mas se Deus quiser tudo voltará a normalidade. Deus abençoe nossas forças armadas.

  25. Meu Pai serviu no BPE do Rio de Janeiro em 62/63, ele tem muito orgulho desse tempo, apaixonado pelo exercito, gostaria de saber aqui como posso conseguir uma camiseta da PE para dar de presente a ele.
    Se alguém tiver essa informação eu agradeço de Coração.

  26. Eloi verissimo Campos /

    Olá amigos veteranos de todas as OMs da POLICIA DO EXÉRCITO,fico feliz em ver estas mensagens, é maravilhoso saber que a grande maioria de quem passou por lá, sentem orgulho, esse é o meu caso…mesmo ter sofrido muiiito qdo passei pelo 1o BPE em 66/67 sinto-me orgulhoso em ter feito parte desta honrada OM.

  27. Edwal Ribeiro /

    Servi no 1°BPE de 1975 à 1981.1ªCia,2ªCia,CCSv,PIC e Cia Esct Gda.Informo aos veteranos PEs do Rio de Janeiro,que temos nossa Associação de Veteranos do 1°BPE. A ABRAPE foi fundada em 1987 e funciona ainda hoje dentro do Batalhão.Temos apoio do Cel Cmdt do Batalhão,e do Cmdt do CML.Nos reunimos às segundas,quartas e sextas feiras de 09;00 às 13;00hs em nossa sala no Btl.Temos nosso uniforme,promovemos encontros com nossos veteranos e inclusive desfilamos em 7 de set representando o Batalhão.Convido à todos os veteranos PE,que nos façam uma visita e conheçam nossa Associação.Visitem nossa página na internet.Associação Brasileira dos Amigos da Polícia do Exército.Já estamos preparando nosso pelotão para o desfile deste ano(2016.O veterano Gilberto Nabor que passa sempre em frente ao Btl,tire um dia para nos visitar,e o veterano Marcos Venicius também nos honre com sua visita. Venham tomar um café conosco.Com certeza serão bem vindos,assim como todos os veteranos PE. UMA VEZ PE,SEMPRE PE

  28. HARRI JOSÉ FENDRICH /

    Servi no 1° BPE, CCS, de 1971/1972, no PIC, em plena ditadura, lá presenciei as atividades do DOI/CODI, trabalhei na sargenteação do PIC, tirava Permanência no presídio, foi uma experiencia impar, lá aprendi e obtive muita experiencia no trato de presos, quer políticos, militares ou civis. Hoje, quando vejo na TV, fatos da ditadura, penso e me vejo lá dentro do exército e muitas vezes sem saber o que estava acontecendo, apenas cumprindo ordens. Sinto saudades daquele tempo, do aprendizado que tivemos, na formação de Homens íntegros, de caráter. Participo assiduamente dos encontros dos veteranos da PE realizados em nosso estado onde, encontro outros veteranos e relembramos os bons tempos de caserna.
    Um abraço a todos.
    Harri José Fendrich
    UMA VEZ PE, SEMPRE PE

  29. sergio luiz de MOURA /

    sou da eterna turma 84/85. SD Moura 1293. 3cia. Ten. Jayme. passo sempre enfrente a nossa caserna. Sinto muito orgulho. Passei pela PMERJ, mais o coração PE.

  30. Servi no primeiro batalhão de Polícia do Exército, turma de 60/61,
    sinto muitas saudades daquele tempo, sempre que posso, participo das reuniões dos veteranos.
    Uma vez PE sempre PE.

  31. Sivane reis /

    Ola amigos. sou sd silvane n.1504.cia escolta e guarda 94/95 3 pel guarda cmt cia cap carvalho. sinto muita saldades daquela época. se tiver alguem dessa epoca e so entrar en contato com meu mall. um abraço a todos. Pe brasil!

  32. Vicente Lobato /

    Olá amigos!
    Servi no saudoso 22º Pel PE em Niterói – RJ. Na época comandado pelo Ten. Agnes.
    Tempos de amizades que deixaram saudades… Um abraço do Sd. Lobato!

    PE, Brasil!

  33. Saudações meus irmãos da polícia do exército eu sd Reis servi no 1BPE de 2001 a 2008 tenho um enorme orgulho de ter ostentado o braçal pe símbolo da autoridade delegada so fico triste pelo tratamento dado aos reservista da pe aqui no rio muito diferentes dos reservistas da brigada pqdt.

  34. Elio Elias Rocha /

    Saudações, meu irmão(falecido em 1984 ) foi da 1cia do 1BPE na Barão de Mesquita. Soldado Rocha , nos anos 1982 /1983, gostaria de ter contado com pessoas que o tenham conhecido.

  35. José Luiz Bento da cunha /

    Sou da turma de 1980 da 3 cia 2 pel

  36. José Luiz Bento da cunha /

    Sou da turma de 1980 da 3 cia 2 pel/1 BPE

  37. Alexandre Cruz /

    Sou da turma 1994 da CCSv 1 Pel / 1 BPE

  38. Alexandre Cruz /

    Sou da Turma do ano de 1994 da CCSv 1 Pel / 1 BPE

  39. prestei serviços no ano de 1974 no 1º BPE TIJUCA.inicialmente na 3ª CIA Comandada pelo Capitão Moraes no segundo pelotão comandado pelo TEN Carlos Gomes e dei baixa quando estava na CCS sob o comando do CAP.Wilson Luis Chaves Machado.Meu numero era 714.
    SD.Ricardo.

    tem alguém do grupo desta epoca

  40. Savério Emanuel Mandarino /

    Servi na PE em São Paulo, turma de 65, meu nome de guerra era Mandarino, n 152, após dar baixa nunca mais cruzei com algum colega dessa turma. Gostaria muito se pudesse encontrar alguém pelo facebook. Alguns nomes que me lembro: Vilasboas, Osório, Rubens, tinha um que era sobrinho do Gal. Costa e Silva. Tenho fotos mas os nomes se perdem na poeira do tempo. Diório, sei que faleceu em 1989.
    Torço para qu algum dessa turma veja esse comentário.

  41. pais 84/85 /

    Sou veterano BPEB 84/85 estarei no encontro em Brasília dia 11/05/17
    em homenagem ao aniversário da PE.

  42. Sou Veterano do BPEB, Servi na 2ª Cia Pol Pel Pol, 69/72. Fui Cb da arma de Comunicações, se alquem da miha incorporação por favor contate comigo pelo Whats 19 988174114. Atualmente resido em Limeira/SP.

  43. Ezequiel Oliveira Diniz /

    Olá. Servi no BPEB 84/85 – sd 1185-Diniz CCSv – Pelotão Comando. Gostaria de contactar amigos que nunca mais vi. Watzapp 34-988097316. Obrigado por disponibilizar o canal.

  44. Vladimir Alex Ferreira Vana /

    Também seri na 2ª Cia PE em 1965. Lembro-me de voce, Mandaino e de todos esse nomes que você citou.Para você se lembra, eu era o Vana 165 motorista do comandante.

  45. JOSÉ ESTEPHANIO DE ALAARCÃO E SILVA /

    SOU UM VETERANO VIVO ACREDITO DOS MAIS ANTIGOS… FUI MOTOCICLISTA DE ESCOLTA – CCS -TROPA 1958/1960… FREQUENTO ATÉ HOJE 1º BATALHÃO DE POLÍCIA DO EXÉRCITO; SEMPRE MUITO BEM RECEBIDO PELOS COMANDANTES E, HOJE, EM ESPECIAL, PELO 1º TEN LUCAS BONFIM ATUAL CMTE. DO PELOTÃO DE MOTOCICLISTAS. EXCELENTE PESSOA E MUITO BOM MOTOCICLISTA !

  46. JOSÉ ESTEPHANIO DE ALARCÃO E SILVA /

    CORRIGINDO O NOME

Deixar um comentário

WordPress Blog