Organização do Acervo Bibliográfico e Museológico da Casa da FEB

A nossa biblioteca está sendo organizada pela nova profissional contratada, a bibliotecária ERIKA ARRUDA DE JESUS SILVA, CRB 7 – 5228, formada em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade Federal Fluminense – 2002. Com grande experiência em indexação e bases de dados, brevemente teremos um catálogo organizado para pesquisadores conhecerem nosso acervo especializado na FEB e 2ª. Guerra Mundial, que ficará futuramente on-line em nosso site

www.veteranos.org.br

A Biblioteca já está aberta ao público para visitas agendadas durante o horário de funcionamento da casa da FEB, o que pode ser feito pelo e-mail anvfeb@uol.com.br. O acervo está sendo classificado de acordo com padrões internacionais de catalogação empregados pela Biblioteconomia, AACR2, CDD e Tabela de Cutter para indicação dos Autores. Breve o acervo poderá ser utilizado para consultas. Foi realizada a seleção de acordo com o tipo de material bibliográfico: livros, obras de referências (dicionários, enciclopédias, manuais, guias, etc.), periódicos (revistas, jornais, informativos, publicações seriadas) entre outros, identificando também as obras que necessitam restauração e higienização. O processamento técnico das obras com a catalogação, classificação e indexação dos assuntos está bastante adiantada.

Museu da FEB – Organização do Acervo Museológico

A equipe vem buscando soluções para a problemática da conservação do presente acervo, passando por um processo de pesquisa, registro, catalogação e informatização do acervo que tem grande relevância para o patrimônio histórico cultural nacional, sob responsabilidade da Casa da FEB. Não obstante, o espaço expositivo será renovado periodicamente, possibilitando novo dinamismo ao museu e seus frequentadores, por mostrar outras pecas, não menos importantes, que se encontram atualmente na Reserva Técnica. O trabalho técnico vem sendo realizado pela museóloga Raquel A. Machado, formada pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), contando com a colaboração do conservador de armas Alexandre Gil de Souza, que também é responsável pela segurança do museu, já tendo ali trabalhado em outras ocasiões. Foi militar, tendo servido na Marinha do Brasil.

Serviço: O museu está aberto ao publico às terças e quintas feiras,
das 13 às 17 horas e a entrada é gratuita.

Museu da FEB – Rua das Marrecas, 35 – Lapa – Rio de Janeiro – Tel.: 2262-3609

Editor do Boletim Informativo e Diretor de Relações Públicas
Prof. Israel Blajberg – Socio Especial


COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

2 comentários

  1. Analice Sauerbronn Reina /

    Isso sim é uma boa notícia!
    Saber da conservação, e principalmente da digitalização, do arquivo é uma coisa MARAVILHOSA.

Deixar um comentário

WordPress Blog