Tenente Arantes – O saudoso mano da PE

Tenente Arantes – O saudoso mano da PE

2 ago, 2016

O nosso colaborador Marcus Vinicius de Lima Arantes lançou recentemente o seu 4º livro – “TENENTE ARANTES – O SAUDOSO MANO DA PE”. O livro é um resgate da memória do saudoso Homero Arantes Jr, o Tenente Arantes, irmão do autor que serviu no Batalhão de Polícia do Exército de Brasília (BPEB) de 1969 a 1978 e narra sua trajetória de vida no...

Projeto: Preservação da História da Polícia do Exército

Projeto: Preservação da História da Polícia do Exército

17 abr, 2015

O Conselho Nacional dos Veteranos da Polícia do Exército está conduzindo o Projeto PRESERVAÇÃO DA HISTÓRIA DA POLÍCIA DO EXÉRCITO que consiste em três fases. PRIMEIRA FASE: PUBLICAÇÃO DO LIVRO “POLÍCIA DO EXÉRCITO: SUA HISTÓRIA E SEUS VALORES” Tratando da História da Polícia do Exército ao longo de sua formação até os dias atuais,...

Lançamento do Livro Polícia do Exército: Sua História e Seus Valores‏

Lançamento do Livro Polícia do Exército: Sua História e Seus Valores‏

12 mar, 2015

No último sábado (07/03) ocorreu o lançamento do livro Polícia do Exército: Sua História e Seus Valores. A Solenidade de Lançamento teve início com a formação da Mesa de Honra formada pelo Autor Francisco Miranda, presidente do Conselho Nacional dos Veteranos da Polícia do Exército (CONAVEPE), do excelentíssimo senhor General de Exército...

Lançamento – Polícia do Exército: Sua História e Seus Valores

Lançamento – Polícia do Exército: Sua História e Seus Valores

6 mar, 2015

A Polícia do Exército do Brasil nasceu por Decreto para compor a Força Expedicionária Brasileira em 1944. Não por acaso, essa força esteve presente em todas as operações, avanços e estacionamento das tropas brasileiras nos campos italianos. Sua atuação destacada foi determinada para o cumprimento das missões imposta a nossa FEB. Comandada pelo...

Lembrai-vos dos vossos Soldados!

Lembrai-vos dos vossos Soldados!

26 ago, 2014

Ser soldado para alguns desavisados e de conhecimento insípido, se reduz apenas a receber e executar ordens como se robozinhos fossem. Ser soldado para outros tantos é apenas um elemento acéfalo que mecanicamente responde a ordens de seus superiores. Ser soldado para aqueles que, ideologicamente sentem ódio pelo seu próprio Exército, são homens vis, que...