Série Heróis Esquecidos: 2º Ten Av Roberto Tormim Costa

Tormim

1º Grupo de Aviação de Caça

Roberto Tormim Costa nasceu no Rio de Janeiro em 07.06.24. Foi convocado como Aspirante-Aviador e antes de se integrar ao 1º Grupo de Avição de Caça (1º GAvC) como um dos seus pilotos de combate, fez o treinamento específico nos Estados Unidos. Chegou a Pisa em 25.12.1944 proveniente dos Estados Unidos e integrou-se à Esquadrilha Verde. Tormim logo se destacou como piloto destemido e exímio caçador. Logo em sua primeira missão, acertou bombas no objetivo e explodiu dois caminhões com tiros de metralhadora. Diante desse “batismo de fogo” de forma espetacular o Cap. Av. Newton Lagares Silva, comandante de sua esquadrilha comentou: “Esse vai longe. Nasceu Veterano”.

Tormim completou 66 missões ofensivas durante a sua permanência no 1º GAvC  (04.01 a 02.05.1945), tendo sido um dos pilotos mais eficazes com mais de 90% de aproveitamento em suas missões. O Comte. Alberto Martins Torres, o ás da aviação de caça brasileira, com 99 missões ofensivas no 1º GAvC em seu livro “Overnight Tapachula” narra o seguinte episódio de Tormim na Base Aérea de Pisa:

“Era um garoto de 18 anos. Certa vez, em Pisa, apareceu um par de Mustangs P-51, sobrevoando a Base, em acintoso desafio aos P-47, do 350th Fighter Group. Alguns americanos decolaram para enfrentá-los num combate aéreo simulado. Voando a baixa altura, bem ao gosto dos P-51. Seus pilotos tinham consciência dessa vantagem. Após abaterem um a um os P-47 americanos, Tormim decolou para um vôo local de experiência. Os Mustangs, partiram para atacá-lo. O garoto manobrou rápido, evitando a 1ª simulada rajada das metralhadoras do inimigo. Fechou a curva no limite máximo que o P-47 podia dar e encaudou, o Nº 02 daqueles elementos abusados. Passou por ele como se o tivesse abatido e encaudou o líder. O combate foi renhido e feroz. Cada um dos pilotos dava o que tinha em habilidade. Dois pilotos de caças brincando, dando um show para a Base, para Pisa inteira.

O ronco dos motores despertou os pilotos que estavam no chão. Não houve um que não estivessem vidrado naquela cena maravilhosa. E Tormim venceu. Quando os inimigos; pousaram, vieram à sala de operações do 1º Grupo de Caça conhecer aquele valente opositor. Minutos depois, outros companheiros do 350th também compareceram. Foi uma alegria naquele encontro. Os mais entusiasmados eram os pilotos dos Mustangs. Ambos serviam em Foggia e eram veteranos de batalhas aéreas sobre Nuremberg, Stuttgart e Munique, em missões de escoltas às Fortalezas Voadoras. Ficaram admirados com a combatividade e habilidade de Tormim”.

Ao regressar ao Brasil, foi servir na Base Aérea de Santa Cruz como Instrutor. No dia 29 de Abril de 1946, ao realizar manobras acrobáticas com sua esquadrilha seu avião chocou-se com outro causando sua morte.  O destino quis que ele não fosse tão longe como certa vez previra o Cap. Lagares. Morreu cedo demais aos 22 anos de idade.

O bravo piloto brasileiro foi agraciado com as seguintes condecorações: Cruz de Aviação (Fita A com uma estrela), Cruz de Aviação (Fita B com duas palmas), Campanha da Itália, Distinguished Flying Cross (USA), Air Medal (USA), Presidential Unit Citation (USA)

Colaborador: Marcus Vinicius de Lima Arantes (mv-arantes@uol.com.br)

Fontes: Anotações Pessoais / Tormim, Brilho Fugaz (Fernando A. Murat Menezes) / Overnight Tapachula (Alberto Martins Torres)

 

Veja também:

Série Heróis Esquecidos: Sd João Moreira Alberto – 6º RI

Série Heróis Esquecidos: Sd Alberto Rossi – 6º RI

Série Heróis Esquecidos: Sd Abonilo Amaro de Melo – 1º RI

Série Heróis Esquecidos: Sd Humberto Alves Nogueira – 11º RI

Série Heróis Esquecidos: Sd Arlindo Tavares Pontes – 1º RI

Série Heróis Esquecidos: Sg Nilo de Morais Pinheiro – 11º RI

Série Heróis Esquecidos: Sg Max Wolf Filho – 11º RI

Série Heróis Esquecidos: Sg José Fonseca e Silva – 11º RI

Série Heróis Esquecidos: Sd Júlio Nicolau – 11º RI

Série Heróis Esquecidos: Sd João Nunes – 1º RI

Série: Heróis Esquecidos – Sd Olavo Soares do Amaral

Série Heróis Esquecidos: Soldado José Varela‏

Série Heróis Esquecidos – Tenente Deschamps


COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

2 comentários

  1. DAVID MARIN BRESSAN /

    NÃO É UM COMENTÁRIO, MAS UM PEDIDO: Solicito informações – onde encontrar a fonte/endereço para requerer Relações de Alterações de um expedicionário da 2ª Guerra Mundial – no período do embarque no RJ para Europa e a volta – desembarque no RJ.(ano de 1945 – Atenciosamente – David Marin Bressan – Fone 55-3251-1496 e (51) 9117-2030

  2. Paulo Pereira /

    Na realidade, o texto pode dar a impressão de que Tormim teve alguma responsabilidade no acidente que o vitimou. Ele era instrutor, e foi um dos alunos (que, conforme havia sido já decidido, seria eliminado do curso por pilotar perigosamente)o responsável pelo acontecido. Ambos faleceram. Tormim havia sido alertado para evitar acrobacias quando o tal aluno estivesse na esquadrilha, mas não o fez. Comandou uma manobra mais ousada, e isso o levou à morte. Mas não por culpa de sua parte.

Deixar um comentário

Free WordPress Theme