Lançamento do livro “Os últimos heróis”

O livro “Os últimos heróis” escrito por Matheus Araújo Prado, conta a história da Força Expedicionária Brasileira e a Segunda Guerra Mundial. A iniciativa do autor é de grande admiração, já que o livro foi lançado de forma independente, não visando lucro, e sim, divulgação dessa bela história de dificuldades e glórias.

1942… Após o torpedeamento de 34 navios brasileiros por submarinos alemães e Italianos, o presidente Vargas declara guerra aos países do Eixo. Fica decidido que se formará uma Força Expedicionária, com o intuito de rumar para o além-mar e auxiliar as tropas Aliadas. 1943… A Força Expedicionária Brasileira, que até então, quase um ano depois da declaração, existia apenas no papel, ganha vida. São convocados centenas de reservistas de 1ª Categoria e alguns poucos voluntários também se apresentam. Inicia-se um intenso período de treinamento, ministrado quase integralmente por estadunidenses. 1944… Navios da Marinha de Guerra Americana transportam os mais de 25,000 pracinhas da FEB para a Itália em 5 Escalões consecutivos. Centenas não voltariam. Milhares voltariam mutilados. E muitos deles… Muitos mesmo… Só voltariam em corpo. 2008… Um veterano compartilha sua história com um jovem Fuzileiro Naval que está prestes a partir para o Haiti… Essa é a história dos homens da Força Expedicionária Brasileira, a maior expressão da luta pela liberdade que o Brasil já teve. Viva a FEB!

O livro que contém 186 páginas pode ser comprado no site Clube dos Autores.


COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

2 comentários

  1. isalete leal /

    Parabéns Matheus, lí seu livro e gostei muito.Mais uma obra para imortalizar os veteranos da Segunda Guerra.

  2. Neudon Henrique do Nascimento /

    Parabéns.O governo brasileiro, deveria incentivar estas ações e não deixar cair em esquecimento a extraodinária campanha da FEB na Itália.A grande maioria dos brasileiros ,não sabem e nem tem noção dos atos heróicos dos pracinhas brasileiros que lutaram na segunda guerra mundial, sem preparo, sem equipamentos e levando consigo apenas a coragem e o orgulho de serem verdadeiros patriotas.

Deixar um comentário

Free WordPress Theme