Coluna da Vitória 2015 na Itália‏ com a ABPVM

abpvmApresentação

Como é de conhecimento geral, estamos prestes a realizar uma grande e memorável expedição para comemorar os 70 Anos da Vitória Aliada contra as forças nazi-fascistas na Europa, durante a Segunda Guerra Mundial.

Para tanto, com apoio do Exército Brasileiro e patrocínio da Fiat/Iveco, a Associação Brasileira de Preservação de Veículos Militares (ABPVM) em conjunto com o Grupo Histórico FEB, pretende participar das comemorações na Itália com 30 (trinta) viaturas militares de época (preferencialmente Jeeps ¼ ton) de nossos associados e membros.

Trata-se de empreitada de grande envergadura que exige planejamento prévio e muito COMPROMETIMENTO dos envolvidos.

Estaremos representando a FEB, nossas Forças Armadas e a nossa Pátria em um evento internacional da maior importância e repercussão!

É a Coluna Brasileira da Vitória, Edição Estrangeira 2015. It’s Brazilian Victory Convoy, Foreign Edition 2015.

No intuito de garantirmos espaço no navio de transporte que nos foi reservado, precisamos que as pessoas interessadas em participar se manifestem, por ‘e-mail’ até 23:59hs da próxima quarta feira, dia 29 de outubro.

Da Região e Período

Período

Abril de 2015, entre os dias 21 e 27.

Área

Desembarque previsto para os portos de Livorno (155km de Montese) ou Genova (255km de Montese).

Trânsito para os pontos de destino por seus próprios meios, reforçando a obrigação de as viaturas estarem rigorosamente em ordem sob o ponto de vista elétrico e mecânico.

Roteiro

Serão percorridos os caminhos trilhados pela Força Expedicionária Brasileira durante a Campanha da Itália.

O roteiro definitivo em solo italiano ainda está sendo elaborado e será disponibilizado no momento oportuno.

Headquarter – Posto de Comando

– O projeto visa, por ora, basear todos os participantes em Montese (MO) e localidades vizinhas.

– Estima-se o custo de 50 Euros para hospedagem, por pessoa, por dia. Este preço inclui pernoite com café da manhã e jantar, acompanhado de vinho da casa.

– Já existem alguns amigos do nosso próprio grupo que militam no ramo de turismo e que estão trabalhando para obter preços e condições diferenciadas para aqueles que se interessarem.

Das Viaturas

Especificação

– Admitidas em primeira etapa e com prioridade, Jeeps ¼ ton, Willys, Ford ou Bantam.

– Fabricação entre os anos de 1939 e 1945.

– Obrigatoriamente olive drab (com pequenas variações) e identificadas com a marcação da FEB, sobre o capô, nas laterais e para choques.

Condições Gerais dos Veículos

– Deverão estar em boas condições de conservação e uso, sendo responsabilidade de cada proprietário a manutenção durante o trajeto em solo europeu.

– Comprovação de que foram submetidas a uma revisão geral. O funcionamento da parte mecânica, hidráulica e elétrica deve estar em ordem.

– Freios: destaque especial aos freios dos veículos, já que a área principal onde os brasileiros lutaram na Segunda Guerra Mundial é muito acidentada.

Documentos

– A documentação de cada veículo deve estar regularizada do ponto de vista legal, com todos os impostos quitados e obrigatoriamente em nome do proprietário.

– Os proprietários/condutores devem estar regularmente habilitados, com CNH (Carteira Nacional de Habilitação) válida, não vencida, e que será comprovado por ocasião da inscrição definitiva.

– É altamente recomendável, e pode se tornar obrigatório, que todos os proprietários-motoristas providenciem a Permissão Internacional para Dirigir (PID), facilmente obtida através dos sites dos DETRANS de cada estado da Federação.

Transporte

– As viaturas deverão ser embarcadas no porto da cidade do Rio de Janeiro em direção à Genova (ou Livorno). Os veículos devem ser disponibilizados com a antecedência mínima de 35 dias. O mesmo prazo deverá ser observado para a liberação na volta ao Brasil. Não haverá custo para o transporte marítimo das viaturas nos dois sentidos (BRA=> ITA => BRA).

– Custo e logística de transporte de cada viatura até o porto de embarque e desembarque no Brasil será de responsabilidade de cada proprietário.

– Trabalhamos com o Governo Federal para agilização/facilitação da parte burocrática da “exportação temporária” dessas viaturas. É provável que isso gere algum custo (não incluído na taxa de inscrição) para cada proprietário.

Responsabilidade Civil e Criminal

– O proprietário de cada viatura assume integralmente o risco que uma operação desta magnitude implica, não cabendo qualquer tipo de responsabilização aos organizadores e co-organizadores.

– Haverá documento específico (termo de responsabilidade) a ser assinado pelo
Seguro das Viaturas.

As viaturas estarão cobertas por seguro contratado pelo transportador/patrocinador durante toda a viagem marítima. Não haverá custo para os interessados.

Será investigada a necessidade de outros seguros em solo italiano, dentre eles o de danos a terceiros e colisões.

Veículos Militares Estrangeiros

Será admitida a participação de veículos militares típicos da Segunda Guerra Mundial, cujos proprietários residam (e tenham suas viaturas) em outros países, mormente na Europa.

Enquanto integrantes da Coluna Brasileira da Vitória 2015, Foreign Edition, serão admitidos tais veículos em suas condições atuais, ainda que com marcações de outros países aliados.

Da inscrição

Inscrição Preliminar

Data limite: 29.10.2014 – 23h59min.

– Para garantir espaço no navio de transporte reservado para a ABPVM, todos os interessados em participar devem se manifestar, por ‘e-mail’,até 23:59hs da próxima quarta feira, dia 29 de outubro de 2014.

Informações obrigatórias

Do Proprietário:

Nome, endereço completo, CPF, telefones e e-mail de contato.

Da Viatura:

Placa, fabricante, modelo, cor, ano de fabricação, tamanho (comprimento, largura e altura) e valor estimado para seguro.

– A quantidade de viaturas autorizada para o transporte transoceânico está limitada a trinta (30). A princípio, cada interessado poderá participar com apenas uma viatura.

– Se houver mais que trinta candidatos, a escolha definitiva será baseada em critérios de originalidade e conservação da viatura. A análise será feita por equipe técnica, isenta e sob a chefia do Diretor Técnico da ABPVM.

- Endereço eletrônico para contato: marcos@polarisseguros.com

- Telefone: 31 9981-2499 – Marcos Renault

Taxa

– Será cobrada taxa de inscrição de R$ 1.000,00 (mil reais).

– A taxa de inscrição NÃO SERÁ REEMBOLSADA em caso de desistência, a qualquer título, do interessado.

– Os valores arrecadados suprirão despesas diversas, incluindo locação de veículo para equipe profissional de vídeo e imagem, fretamento de ônibus para o trajeto de ida/volta do “PC” até o porto de embarque e desembarque das viaturas na Itália e locação de uma prancha para apoio aos nossos deslocamentos na Itália.

– A taxa de inscrição será cobrada e quitada após a aprovação do interessado, mediante envio dos dados iniciais já descritos e observação das regras aqui definidas.

Apresentação de Documentos

– Com a quitação da taxa e inscrição definitiva da viatura, o interessado enviará também cópias autenticadas de:

1) Documento de trânsito do veículo (DUT), atualizado, regular e dentro do prazo de validade;

2) Carteira Nacional de Habilitação (CNH), no prazo de validade.

Da Comissão Organizadora

Todos os casos omissos, não abrangidos pelo presente regulamento, serão resolvidos pela Comissão Organizadora.

A Comissão Organizadora será composta por três integrantes:

1) Um representante de qualquer uma das Forças Armadas do Brasil;

2) Um representante da Fiat / IVECO;

3) Um representante da Associação Brasileira de Preservação de Veículos Militares.

Os participantes aceitam e concordam que as decisões tomadas pela Comissão Organizadora serão definitivas e irrecorríveis.

Miscelânea

Lotação dos veículos

– Cada viatura será ocupada por, no máximo, seu motorista e mais três pessoas.

A prioridade de ocupação das viaturas será:

1º) Motorista;

2º) Veteranos;

3º) Autoridades;

4º) Grupo Histórico FEB.

Trajes Obrigatórios

Todas as pessoas embarcadas, exceto veteranos e autoridades, deverão estar devidamente trajadas com o fardamento FEB/FAB/WWII.

Serão admitidos, por exemplo, HBT, “coverall”, macacões e jaquetas de vôo ao padrão “Senta a Pua”, calças verdes com camisa e gravata cáqui, e jaqueta M41 ou Tanker.

Desejável que todos os uniformes tragam em sua manga esquerda o emblema da FEB, ou a “bolacha” do ‘Senta a Pua’ em se tratando de referência aos aviadores brasileiros.

Fotografia de HBT completo:
https://www.atthefront.com/us_images/uni/Sets/DS_set.jpg

Fotografia de M41 Field Jacket:
https://www.atthefront.com/us_images/uni/FJ/M41_jkt_main2.jpg

Fotografia de “Coverall”
https://www.atthefront.com/v/vspfiles/photos/USUCHB-2.jpg

– Outras regras e obrigações poderão ser adicionadas, pelo menos, até a data limite para inscrição e pagamento da taxa respectiva, de tal modo que, aos participantes efetivamente alistados, não serão reservadas quaisquer surpresas.

É importante que as pessoas interessadas não deixem para se manifestar na última hora, pois a cota de transporte marítimo é limitada, como já ressaltado no texto de apresentação deste projeto, e nos tópicos “inscrição preliminar” e “informação obrigatória”, acima.

Atenciosamente,
Belo Horizonte, 24 de outubro de 2014
Marcos Moretzsohn Renault Coelho – Presidente ABPVM
Ricardo Caiado – Vice-Presidente da ABPVM


COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

1 comentário

  1. forças amadas atuando em todos os campos e todos os meios.

Deixar um comentário

WordPress主题