Câmara homenageia 70 anos do embarque da FEB

Sessão solene lembrou a luta e a bravura dos pracinhas brasileiros na campanha da itália

A Câmara realizou sessão solene aos 12 nov 2014 em homenagem aos 70 anos do embarque da Força Expedicionária Brasileira para a Itália, em 1944.
O requerimento para a sessão foi de autoria dos deputados Rodrigo de Castro (PSDB-MG), Antonio Imbassahy (PSDB-BA) e Jair Bolsonaro (PP-RJ).
O deputado Rodrigo de Castro cumprimentou autoridades das Forças Armadas e veteranos da FEB presentes na sessão – Tenente Genival de Oliveira, 91 anos, cabo Moreira, 94 anos, e dona Carlota, tenente e enfermeira,100 anos.
Castro discursou também em nome do deputado Imbassahy, que não compareceu à sessão. Ao lembrar o contexto histórico em que os expedicionários atravessaram o oceano Atlântico, Rodrigo Castro ressaltou a importância da campanha dos brasileiros na Itália.
Presente à sessão, o músico João Barone, filho de veterano, lembrou os que “caíram em campo de batalha e os sobreviventes”. Ele falou sobre patriotismo, “atitude de dar a vida à pátria”, e criticou as guerras, “que jamais deixarão de ser exemplo da maldade humana.”
Prestígio – O deputado Jair Bolsonaro ressaltou o papel dos pracinhas brasileiros na guerra, afirmando que eles deram a vida em troca da liberdade. Para Bolsonaro, “é preciso resgatar o prestígio das Forças Armadas e preparar nossos militares para o combate.
Prof. Israel Blajberg 
Assessoria de Com Social – Casa da FEB
Edição finalizada em 30 nov 2014 as 14 h

COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

1 comentário

  1. Darci Danilo da Costa /

    O mínimo que devemos fazer para reconhecer os feitos heroicos de nossos soldados da FEB, é lembrar os seus nomes e homenageá-los pelo sacrifício da própria vida, que muitos o fizeram, mas, que todos se propuseram fazer,não só em defesa dos nossos ideais de liberdade e de nosso território Nacional, mas, também da liberdade e dignidade dos povos de outras terras, que estavam sendo subjugados pelo nazismo e o fascismo.
    Antes do Brasil declarar guerra às potências do Eixo, belonaves dessas potências provocaram muitas mortes de brasileiros, em nosso mar territorial, afundando navios mercantes.
    Esses brasileiros são homenageados até hoje em terras italianas,que acolheram seus corpos no cemitério de Pistóia.
    Aqui no Brasil, apátridas comunistas já tentaram diminuir os feitos FEB. Eles são pequenos demais para conseguirem tal intento.

Deixar um comentário

Free WordPress Themes