Associazione di Rievocazione Storica Partigiana Stella Tricolore

Meu nome é Francesco Marchetti. Sou da turma de 2005 do curso de Arqueologia Medieval da Universidade de Pisa.

Sou de Esquerda, membro da “Associazione di Rievocazione Storica Partigiana Stella Tricolore” (com sede na Via del Corso Scalli, número 5), Instituto Histórico de Resistência em Lucca e consuleer da Seção ANPI “Gino Lombardi” de Pietrasanta.

Temos colaborado na promoção da participação da Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial durante a Campanha da Itália. Meus grupos históricos são basicamente dedicados à participação dos partisans italianos.

Nas reuniões em Assembléia Geral na sede da “Associazione di Rievocazione Storica Partigiana Stella Tricolore”, elaboramos relatórios sobre atividades realizadas, discutimos e votamos sobre diversos assuntos. Apresentamos o orçamento, definimos o estudo e divulgação da história da resistência italiana, elaboramos planos para organizar eventos, exposições e feiras de documentos históricos e material de várias fontes: doações de escavação ou partidários. Outro aspecto importante é que representamos a figura do guerrilheiro através de reencenações, ou seja, reconstituição de contextos históricos para facilitar a compreensão e estudo da historiografia. O orçamento da Associação é aprovado pelo Conselho de Administração e dos membros presentes.

O objetivo do grupo é torna-lo o mais interativo possível, estimulando o conhecimento sobre as características das armas usadas no período da resistência, coleção de documentos das brigadas partidárias e da vida cotidiana.

O Estatuto da Associazone di Rievocazione Storica Partigiana Strella Tricolore está dividido em 32 artigos:

Artigo 1 º: A Associação Cultural “Star Tricolore”, é um centro da vida da comunidade, independente, pluralista, de autonomia política absoluta, um voluntário, democrático e progressista. Não prossigam fins lucrativos.

Artigo 2: O principal objetivo do clube é promover o estudo da memória histórica e da resistência italiana e europeia.
Para atingir este objectivo, a Associação tem como objetivos:
a) Para organizar eventos culturais, como primeira pessoa história de vida, palestras, concertos, conferências, seminários, exposições, feiras, seriados, documentários, etc …;
representar os associados em relação à Autoridade e do governo, protegendo os interesses gerais e facilitar o desenvolvimento organizacional, técnico e económico
promover, incentivar e aumentar por todos os meios de produção, divulgação e desenvolvimento de obras audiovisuais, multimédia e comunicações de qualquer tipo e espécie, identificado como tal em conformidade com as definições estabelecidas pelos órgãos da União Europeia;
promover e / ou fornecidos diretamente para as organizações, instituições ou corporação sem fins lucrativos (como, por exemplo, um AEIE – Europeu de Interesse Económico) destinado a aumentar a actividade prevista pelo Estatuto e em especial gestão apresentação, desenvolvimento e projeto do na UE;
participar, como associado à criação de outras associações ou sindicatos do sector, ou aderir à mesma para a melhor realização dos objectivos da associação, celebrar acordos com qualquer outra entidade, organização e sociedade que tem fins compatíveis com a Associação ;
designar e nomear seus próprios representantes em todas as instituições, organizações e comitês em que tanto a demanda e / ou representação adequada da Associação;
realizar uma promoção e relações públicas que visam o desenvolvimento do sector, tendo e apoiar iniciativas destinadas a reforçar as diferentes realidades representadas pela associação, na Itália e no exterior, para atender a coordenação permanente e efectiva sinergia entre membros e entre a mesma Associação e organizações semelhantes, instituições estrangeiras ou supranacionais e associações com especial destaque para Estados-Membros;
promover a cultura da comemoração histórica em escolas públicas e privadas de todos os níveis, através da organização diretamente e / ou indiretos eventos
Realizar estudos e pesquisas, e coletar e processar informações e estatísticas relativas ao setor e as atividades dos Associados também através do desenvolvimento de suas ferramentas de comunicação e informação;
promover e apoiar qualquer acordo que serve para regular as relações no interesse de solidariedade e cooperação entre os membros;
incentivar o desenvolvimento de contactos e relações de trabalho entre deputados e funcionários de outros estados membros da UE;
A associação pode se envolver em outras atividades além das referidas acima, se não diretamente ligado ao mesmo.

Artigo 3: O número de membros é ilimitado. Ela pode se tornar um membro você reconhecer ninguém no presente diploma e tem dezoito anos de idade. Membros aspirantes são necessários a aceitação eo cumprimento dos regulamentos e de conformidade com a sociedade civil. O estado de filiação, uma vez adquirida, é permanente, e pode ser menor do que nos casos previstos pelo artigo 8. Há, portanto, registros que violam este princípio através da introdução de critérios de elegibilidade que limitam os direitos instrumentalmente ou para frente.

Artigo 4: Os candidatos a membros devem aplicar-se ao Conselho, indicando o seu nome, endereço, local e data de nascimento, juntamente com toda a declaração ‘para aceitar e respeitar o Estatuto, o Regimento e as resoluções dos órgãos sociais.

Artigo 5: até E ‘para o Conselho de Administração, ou de um ou mais administradores expressamente delegadas por ele, examinar e expressar-se, no prazo máximo de 30 dias a partir do pedido de adesão, sobre os pedidos de admissão, certificando-se que os membros potenciais são satisfazendo os requisitos. Se o pedido for aceito, o novo membro receberá o cartão de membro da ARCI Nova Associação, e seus dados serão armazenados com cuidado cada nell’anagrafe social.

Artigo 6 º: Os acionistas têm direito a: participar nas instalações do clube e participar em todas as iniciativas e eventos promovidos pelo Clube, para se reúnem para discutir e votar nas questões relativas ao clube, para discutir e aprovar as demonstrações de eleger e ser eleitos como membros dos órgãos sociais.
Eles têm direito a voto nas reuniões dos membros que pagaram o pagamento da anuidade, pelo menos, oito dias antes da data de execução de assembléia de acionistas.

Artigo 7 º: O membro é obrigado a pagar anuidade, a respeitar os estatutos e regras de procedimento, para o cumprimento das resoluções dos órgãos sociais, bem como a manutenção da participação conduta irrepreensível civil e moral nas atividades do Clube e freqüentar as instalações. A taxa de inscrição, só é vinculativa para um pagamento regular para o apoio financeiro da associação, não é, portanto, de qualquer forma por meio da propriedade ou participação nos lucros, não é restituível ou transferível sob quaisquer circunstâncias.

Artigo 8 º: O estatuto de membro perde-se: a morte, o não-pagamento de dívidas; renúncia, que deve ser apresentado por escrito ao Conselho Executivo; expulsão ou radiação.

Artigo 9 º: O Conselho tem o poder de tomar medidas disciplinares contra o membro, por repreensão escrita, suspensão temporária ou expulsão ou radiação, pelos seguintes motivos: falha em cumprir com os estatutos, regulamentos ou quaisquer deliberações dos órgãos sociais; difamação do Círculo, os seus órgãos, seus acionistas, a tentativa de alguma forma para o bom desempenho do Círculo, e impedem o seu desenvolvimento e dissolução perseguendone; cometer ou causar distúrbios graves durante reuniões; peculato fundos sociais, registros, documentos ou outros bens do clube, a causa ‘de maneira alguma moral ou danos materiais nas instalações do clube e equipamentos pertencentes a ele. No caso de dolo, o dano deve ser compensado.

Artigo 10: Contra qualquer suspensão ou radiação, é passível de recurso ao Presidente no prazo de trinta dias, em que uma decisão final da primeira Assembléia Geral Ordinária ..

Artigo 11: Os activos do clube e “indivisíveis e e ‘consiste em: bens móveis e imóveis do clube, contribuições, doações e legados diferentes, fundo de reserva

Art.12: Os meios financeiros a partir de 1 janeiro – 31 dezembro de cada ano. Deve ser um relatório económico e financeiro apresentado aos acionistas até 30 de abril do próximo ano. Outra exceção pode ser feita em casos de necessidade comprovada ou impedimento.
As demonstrações financeiras para o ano vai destacar um custo analítico e renda de competência e importância financeira e os itens de ajuste de que para determinar a competência do ano.

Art.13: Planejamento e Previsão Económica do ano fiscal e “próxima Assembléia deliberada, com relevância para a formulação das linhas gerais da actividade do Clube.

Art. 14 º: Haverá a criação eo crescimento do fundo de reserva. O uso do fundo de reserva está vinculado à decisão dos acionistas.
O excedente de cada ano será doado para o fundo de reserva, eo restante será disponibilizado para as medidas adequadas para efeitos do artigo. 2 e para as novas instalações ou equipamentos.

Art.15: Os participantes na assembleia geral de accionistas todos os acionistas que pagaram o pagamento da anuidade pelo menos 8 dias antes da data da assembléia. As reuniões da Assembleia são normalmente convocada pelo Conselho mediante notificação por escrito contendo a data e hora da primeira e segunda convocatória ea ordem do dia, para ser exposto no quadro de avisos, pelo menos, oito dias antes, e enviado a cada membro.

Art.16: A assembleia geral de accionistas pode ser convocada em sessão extraordinária do Conselho de Administração ou pelo Presidente por razões além de curso normal dos negócios, conforme previsto pelo artt.18 e 31, e sempre que pedido fundamentado do conselho de auditores ou auditores, pelo menos, um quinto dos sócios com direito a voto. A reunião deve ocorrer no prazo de vinte dias a partir da data em que você pedir, e decide sobre os temas que solicitaram a convocação.

Art.17: A reunião é regularmente constituído na presença de metade mais um dos membros com direito a voto, ea maioria absoluta de votos do segundo. Na segunda chamada, no entanto, o conjunto é constituído regularmente, independentemente do número de participantes, e decide sobre as questões na ordem do dia, com as exceções do artigo .18. Proxies não são permitidos

Art. 18: Para aprovar as alterações ao estatuto ou o regulamento proposto pela Diretoria ou por pelo menos um quinto dos membros, é essencial ter pelo menos um terço dos membros presentes com direito a voto, eo voto favorável de pelo menos três quintos dos participantes. Para resoluções relativas à dissolução ou liquidação do Clube, as normas estabelecidas “arte. 31.

ART. 19: A Assembléia Geral é presidido por um presidente e um secretário eleitos pela mesma. A votação poderá ser por braço no ar ou voto secreto, quando solicitado por um décimo dos membros presentes com direito a voto. Para a eleição de governar de votação corpos é por escrutínio secreto, na forma prevista em regulamento. As resoluções da Assembleia e atos, e os inspectores estão em exposição na sede durante os quinze dias após sua formação, e os actos subsequentes estão disponíveis para os membros, para consulta.

Art.20: A assembleia geral de accionistas, em termos do último parágrafo do artigo 6:
– Aprovar as linhas gerais das actividades do programa e anual
– Resolução sobre a previsão do planejamento social e econômico que vem, os órgãos eleitos de governo, que a votação por escrutínio secreto preferência aos nomes escolhidos entre os membros de um número igual ao dos componentes de cada organismo. Em caso de igualdade de votos será eleito o membro com mais antiguidade de inscrição para o Club, discute a relação do Conselho de saída e o discurso do novo mandato, eleger uma comissão eleitoral composta por pelo menos três membros, que controla a realização de eleições e assinar as cédulas, delibera sobre todos os assuntos relativos ao escritório da gerência.

Art.21: O conselho de administração é eleito pelos membros e é nomeado por três anos. E ‘é composto por 5 membros. Todos os vereadores podem ser reeleitos.

Artigo 22: O Conselho do BCE pode usar parte de suas funções, tarefas operacionais ou de consultoria, comissões de trabalho nomeado por ele, bem como os não-membros de cidadãos voluntários, conhecimento, poder, para contribuira implementação de programas específicos, ou fornecer, quando necessário, específicos das relações profissionais, dentro dos limites das previsões económicas aprovadas pela Assembléia.

Art.23: O Conselho Executivo elegerá: Presidente: o representante legal do clube e é “responsável por todas as atividades da mesma.Convoca e preside o Conselho. Vice-Presidente: assiste o Presidente e, em caso de ausência ou impedimento deste, assumirá suas funções. O secretário cuida de cada aspecto administrativo do círculo, tomar actas das reuniões de Conselho e assiná-las com o presidente preside o Conselho, na ausência do Presidente e Vice-Presidente. O Conselho pode “também distribui entre os seus membros outras funções relacionadas com as necessidades específicas relacionadas com as atividades do clube.

Art.24: Funções do Conselho de Administração são: executar as resoluções da Assembleia, formular programas de ação social com base em diretrizes aprovadas pela Assembléia; fornecer todas as informações relevantes para a “reunião para o planejamento de previsão e econômica de” acionistas ano fiscal .; deliberar sobre a admissão ‘de membros, a ordem pode delegar um ou mais Diretores; deliberar sobre as ações disciplinares contra membros, tirar todos os actos e contratos relativos às atividades sociais, comprometem a gestão de todos os bens móveis e imóveis propriedade do Clube ou que lhe foi confiada e decidir as modalidades de participação das atividades do Clube organizados por outras associações e organizações e vice-versa, se compatível com os princípios do presente diploma; submeter à “Assembleia, no termo do seu mandato, um relatório geral sobre as actividades relativas ao mesmo.

Artigo 25: O Conselho Executivo reúne ordinariamente uma vez por mês, num dia fixado, sem aviso prévio, e, extraordinariamente, quando solicitada por, pelo menos, três Diretores, ou por convocação do Presidente. As sessões são válidas quando a maioria dos vereadores para intervir, e as resoluções são aprovadas por maioria absoluta de votos dos presentes. Os votos são geralmente óbvias, podem ser por escrutínio secreto, quando solicitado por um conselheiro único. O empate significa a rejeição da proposta. As deliberações serão acta pelo secretário com o presidente assiná-la. Esse registo deve ser mantido no arquivo e está disponível para membros que necessitam de investigação.

Art. 26: Os Diretores são obrigados a participar activamente em todas as reuniões, tanto ordinárias e extraordinárias. O Conselheiro, que injustificadamente não comparecer a três reuniões consecutivas, decai. O Diretor, em qualquer caso, após seis meses de ausência do Conselho. O Conselho revogada ou que renunciou ao cargo passa a ter, se for o caso, os resultados do primeiro membro do Conselho, exceto para a eleição, caso contrário, a critério do Conselho. A taxa máxima de substituição é fixado em um terço dos membros originais, após esse limite, o Conselho década. O Conselho de Administração pode demitir-se quando for aprovado por 2/3 dos conselheiros. O Conselho de revogação ou renúncia deve convocar a assembléia afetando novas eleições dentro de duas semanas.

Art.27: é delegada ao Conselho de Curadores da ARCI julgamento Associazione Nuova espacial sobre quaisquer diferenças ou problemas surgem dentro do clube, sobre as violações da Constituição e Estatutos e insuficiência das deliberações.
Pode resolver a expulsão dos membros referidos ao Conselho, nos termos do art. 9.

Art.28: O Conselho de Revisores Oficiais de Contas, se for nomeado, é composta por três membros. Sua tarefa é controlar todas as atividades administrativas e financeiras do Clube, bem como para verificar a implementação das resoluções do Conselho de Administração.Relatórios para o Conselho Directivo e da Assembleia. Reúne-se ordinariamente, pelo menos, três vezes por ano (a cada quatro meses), e extraordinariamente sempre que apresentar um pedido fundamentado dos seus membros ou do conselho de administração.

Artigo 29 º: Os revisores oficiais de contas e os membros do conselho de administração têm direito a participar nas reuniões do conselho de administração, com uma votação final.

Artigo 30 º: Os cargos de vereador, prefeito, auditor e membro dos fiadores são incompatíveis entre si.

Art.31: A decisão fundamentada de dissolução do círculo deve ser tomado, pelo menos, quatro quintos dos membros com direito a voto em assembléia de acionistas válido na presença de uma maioria absoluta do mesmo.
Sempre que não seja possível alcançar tal maioria em três sessões reunião subsequente, recorrendo depois de pelo menos vinte dias, a última das quais adequadamente divulgado na imprensa, no entanto, a dissolução pode ser resolvido. A própria Assembleia decide sobre a destinação dos bens remanescentes, após dedução dos passivos potenciais para um ou mais efeitos previstos no presente diploma, qualquer outra associação com fins semelhantes, mas não para fins de utilidade geral, em conformidade com o disposto no art. 111 carta, alínea d,. b) do Decreto Presidencial Não.917/96, proceder à nomeação de um ou mais liquidatários, escolhendo de preferência entre os membros.

Art.32: Embora não seja exigido por lei ou por regras de procedimento, a Assembleia decidiu nos termos do Código Civil e as leis aplicáveis.

Vocês poderão saber mais sobre nosso trabalho acessando o blog:

http://stellatricolore.blogspot.com.br/

Colaborador: marchetti84@cheapnet.it


COMPARTILHE ESSE ARTIGO!

Facebook Twitter Email Plusone



VEJA ALGUNS ARTIGOS QUE POSSAM LHE INTERESSAR!

1 comentário

  1. Giulia Baglini /

    O amigo Francesco è muito amigo do Brasil e da causa da FEB: muito boa esta entrevista, valeu! E gostei também das fotos porque contam de uma experiencia muito bonita feita pra comemorar uma das açoes mais valorosas da FEB no solo italiano ( a libertaço de Camaiore): foi um dia muito alegre em companhia de pessoas extraordinarias como o Mario Pereira, o Francesco a Eliane Velozo e meu maridinho…

Deixar um comentário

Premium WordPress Themes